Monsanto: A Aldeia mais típica de Portugal

Vista do Castelo, Monsanto, Portugal

Monsanto faz parte das aldeias históricas de Portugal. Estas aldeias são locais onde ao longo dos anos se têm preservado os costumes e as tradições das pessoas que ali habitam.

Almeida, Belmonte, Castelo Mendo, Castelo Novo, Castelo Rodrigo, Idanha-a-Velha, Linhares da Beira, Marialva, Monsanto, Piódão, Sortelha e Trancoso, são hoje locais repletos de charme, natureza, gastronomia e cultura, que remetem para as histórias e aventuras de outros tempos.

aqui todas as nossas publicações sobre Portugal.

As 12 Aldeias Históricas de Portugal

Em tempos estas aldeias serviam de apoio para combater o inimigo mas, hoje em dia, o inimigo é a desertificação. Por isso o Turismo de Portugal tem um programa de promoção, desenvolvimento e valorização destes locais, para que possam durante muitos anos continuar a contar a história da vida dos que ali passaram noutros tempos.

Monsanto, apelidada muitas vezes como a aldeia mais típica de Portugal, é uma povoação que fica no topo de uma montanha. Esta aldeia, onde a construção das casas é feita em simbiose com os penedos ali assentes, é o local ideal para se passar um dia a explorar os seus pontos de interesse.

Como Chegar a Monsanto

Monsanto, encontra-se na zona centro-este de Portugal, perto da fronteira com Espanha, a cerca de 280 km de Lisboa e do Porto. Não existe comboio para o local, mas existem alguns autocarros que te permitem chegar à aldeia, no entanto, a melhor forma de chegar à aldeia é de carro ou de mota.

A Rede Expressos tem autocarros que te permitem chegar de Lisboa ou Porto a Castelo Branco. Para chegares a Monsanto, terás que apanhar um autocarro local até Monsanto-Relva (04501 e 04503). O trajeto total demora cerca de 4 horas e o bilhete custa 17€.

aqui os horários e preços dos autocarros

A autoestrada A23, parte da rede de autoestradas de Portugal, passa próximo de Monsanto e vai-te permitir chegar vindo de qualquer ponto do país.

Existem ainda visitas organizadas por operadores turísticos, no entanto, não se tratando do tipo de viagem que normalmente realizamos, não vamos entrar em detalhe.

Procura um carro para alugar na Rentalcars

O que fazer em Monsanto

Monsanto é uma aldeia em que podes passar um dia inteiro a explorar cada recanto, cada local histórico ou cada miradouro. Se gostares de caminhar, existem alguns trilhos que podes fazer que te farão passar por vários locais a visitar em Monsanto. Esta é a nossa proposta de locais a visitar:

  • Visitar o castelo, uma das mais impressionantes estruturas militares da zona. Para os mais aventureiros há um trilho em direção ao castelo. Alternativamente poderás subir pelo caminho mais regular
  • Apreciar a vista envolvente a Monsanto (a vista do castelo é impressionante, se o tempo estiver limpo avista-se ao longe a albufeira da barragem Marechal Carmona)
  • Ver a Capela de São Miguel do Castelo
  • Ver o forno comunitário, os chafarizes e as torres de menagem
  • Visitar a “casa de uma só telha”, com cobertura de rocha granítica
  • Ver a Torre do Relógio
  • Visitar a capela românica de São Pedro de Vir à Corça

Onde Comer em Monsanto

  • Restaurante 2 pinheiros – comida tradicional (Penamacor)
  • Taverna Lusitana (Monsanto)
  • Adega Típica o Cruzeiro (Monsanto)

Onde Ficar

Com o aumento do turismo em Portugal, a oferta na região começa cada vez a ser maior. Existem muitas unidades de alojamento local. Estes são os locais perfeitos para ficar no interior do país. A simpatia e a arte de bem receber dos habitantes do interior de Portugal fazem valer a pena optar por uma destas unidades.

Quando visitámos a zona, recebemos o convite do Moinho do Maneio, em Penamacor, para conhecermos o espaço. Ficámos muito entusiasmados com a sua experiência, única em Portugal: dormir numa bolha insuflável com vista para as estrelas. O local não é em Monsanto mas é muito próximo e o acesso é conveniente e permite também diversificar a tua visita à região.

Faz aqui a tua reserva no Moinho do Maneio

História do Moinho do Maneio

O Moinho do Maneio era um pequeno complexo de apoio a um moinho de água horizontal na zona de Penamacor. Esta propriedade à beira do rio, está na família há mais de 200 anos. Em 2002, sem saberem, Anabela e Rui começaram o caminho do que viria a ser o seu atual projeto de vida. Desde então têm vindo a recuperar o local, e o que no início era apenas uma casa de uso próprio para férias e fins de semana, veio a tornar-se no seu lar permanente.

Desde 2009 que se mudaram para a zona, deixando para trás Lisboa e os seus antigos trabalhos.

Até ao momento ainda não se iniciou a reconstrução do moinho, mas faz parte dos planos do Rui iniciar em breve mais essa jornada.

O Espaço

O Moinho do Maneio é um espaço verdejante à beira-rio. As casas, completamente integradas na paisagem, criam um local tranquilo onde é possível desligares-te do mundo e ligares-te ao espaço, à natureza e às pessoas que estiverem contigo. Neste local não há rede de telemóvel nem Wi-Fi, por isso, prepara-te para te desligares do mundo.

A simpatia dos proprietários, Anabela e Rui, tornam o local ainda mais especial. Nota-se que é um local personalizado, ao gosto deles e que existe muito cuidado para manter o local agradável e estimado.

No espaço exterior, além de muita sombra natural da vegetação à beira-rio, tem uma piscina com uma zona de relaxamento e uma sala de pequeno-almoço em vidro junto ao rio. Cada canto tem um pormenor especial, como por exemplo, a existência de uma cama antiga de ferro debaixo de uma árvore, onde podes ler um livro ou dormir uma sesta.

O pequeno-almoço é servido até às 11:00, porque naquele local não há pressa, e há que aproveitar cada detalhe. A refeição é estilo buffet com produtos tradicionais tais como, pão regional, compotas caseiras, frutas da época e bolo caseiro. Poderás ainda contar com uma seleção de sumos, cereais e queijos. Em dias de bom tempo, é possível usar as mesas exteriores para tomares o pequeno-almoço.

As Casas do Moinho do Maneio

As casas do Moinho do Maneio, acabam por representar a história daquele local. A mais antiga já foi a casa de férias de Anabela e Rui, já foi também a sala de pequenos-almoços e agora é uma das opções de alojamento. O crescimento do Moinho do Maneio foi feito parcialmente e de forma sustentável logo, o estilo das casas acaba também por representar a época em que foram restauradas, sendo que as últimas casas são mais modernas. No entanto continuam a apostar em alguns pormenores tradicionais.

Existem 5 casas de diversas tipologias. Algumas têm cozinha, outras são apenas constituídas pelo quarto e uma zona de estar, no entanto todas elas dispõem de casa de banho privativa.

Para famílias maiores, há duas das casas que estão ligadas por uma porta interior, permitindo a extensão do espaço.

A Bolha do Moinho do Maneio

A principal novidade no Moinho do Maneio, e o que nos despertou mais a atenção sobre este local, é a possibilidade de dormir numa bolha insuflável. Única em Portugal, esta experiência de dormir com vista para um céu cheio de estrelas, longe da poluição luminosa dos centros urbanos, é realmente diferenciadora.

A bolha encontra-se numa plataforma elevada à beira rio, isolada das restantes casas, dando primazia à privacidade de quem se encontra lá dentro.

O local, completamente integrado na natureza, tem uma zona de estar exterior com duas cadeiras onde é possível relaxar durante o dia, e uma casa de banho ecológica no exterior apenas para usar em caso de necessidade. A casa de banho e a zona de banho encontram-se junto às outras casas e é de uso exclusivo dos hóspedes da bolha.

No interior da bolha, a decoração é simples e minimalista, mas muito acolhedora, porque afinal, o que precisamos ali é de um céu limpo para apreciarmos as estrelas.

Há um aquecedor no interior, uma vez que de inverno, as noites arrefecem muito naquela zona e a bolha não deixa de ser uma tenda que não isola a temperatura do exterior. Há ainda alguns jogos para te entreteres quando estiveres a relaxar na bolha.

Na entrada da tenda há ainda um licor de oferta, que é produzido pelos proprietários como parte do seu projeto agrícola.

Para nós foi sem dúvida uma experiência única, rodeados da natureza, num local muito romântico e poder dormir sob as estrelas. Gostámos muito e recomendamos a todos que experimentem ficar nesta bolha pelo menos uma vez.

Atividades

No Moinho do Maneio, além de poderes aproveitar a piscina, podes ainda mergulhar nas águas transparentes do rio e andar de barco ou canoa. No pico do verão o rio seca, pelo que nessas alturas podes aproveitar mais a piscina. No espaço existem ainda bicicletas, um trampolim, camas de rede para relaxar e uma mesa de matraquilhos.


Visitar Monsanto era algo que queríamos fazer há algum tempo. Naquele local sentem-se as tradições e a cultura mais típica e antiga de Portugal. As casas de pedra e os caminhos medievais criam um ambiente muito acolhedor que adorámos.

Ter tido a oportunidade de explorar uma zona mais isolada do país, aproveitar a calma daquele local e o ar puro e dormir sob as estrelas numa experiência única em Portugal, criaram as condições perfeitas para uma ótima escapadela de fim de semana.

Se ainda tiveres tempo…

  • Visitar Penha Garcia
  • Visitar Penamacor



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.